Fórum Mundial da Água 2018: conheça as principais publicações do IPC-IG sobre o tema de água e saneamento

Por Isabelle Araújo, Estagiária de Comunicação *

Brasília, março de 2018 - O IPC-IG está atento à agenda do 8ª Fórum Mundial da Água, que, pela primeira vez desde a sua criação em 1997, será realizado no Hemisfério Sul e Brasília será a cidade-sede. Considerando a indissociável relação entre água, meio ambiente e desenvolvimento sustentável, reunimos uma seleção interessante de publicações recentes sobre os temas, assim como assuntos correlatos como agricultura, segurança alimentar e planejamento urbano.

Começamos com a revista Policy in Focus (PIF) intitulada Políticas públicas para o fortalecimento da agricultura familiar no Sul Global, publicada em 2016.  Os oito artigos da revista chamam atenção para casos específicos, bem como para recomendações de políticas relacionadas à agricultura familiar nos países do Sul Global, desde a América do Sul ao Sul da Ásia. A agricultura é a atividade socioeconômica que mais utiliza água no mundo. Segundo dados da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO), em média, 69% da captação de água dos rios e aquíferos do mundo são destinados a atividades ligadas ao setor. Daí a importância de se discutir a agricultura familiar como uma alternativa mais sustentável.

No mesmo ano, também foi publicada uma versão em inglês da revista PIF, intitulada Food and nutrition security: towards the full realisation of human rights ("Segurança alimentar e nutricional: para a plena realização dos direitos humanos", na tradução livre). Essa edição especial possui 12 artigos abordando os desafios envolvidos na obtenção do direito humano à alimentação e nutrição adequadas e à soberania alimentar e nutricional nos países africanos e no Brasil. Os temas relativos à água perpassam todos os estudos, sendo o tema principal de dois deles: Global convergence of land and water struggles in West Africa: building an economic Community (Convergência global das lutas da terra e da água na África Ocidental: construção de uma comunidade econômica) e The impact of the international fisheries agreements on food sovereignty: the case of Cabo Verde (O impacto dos acordos internacionais de pesca sobre a soberania alimentar: o caso do Cabo Verde).

Disponível em inglês, a  edição da revista PIF intitulada A new urban paradigm: pathways to sustainable development (“Um novo paradigma urbano: caminhos para o desenvolvimento sustentável”)  também de 2016, traz reflexões importantes sobre novas formas de pensar o mundo contemporâneo e fornece subsídios para que os formuladores de políticas públicas e pesquisadores enfrentem os desafios e aproveitem as oportunidades de uma era em que os sistemas globais e o paradigma urbano estão em constantes mudanças. Os artigos What makes our cities fragile? (“O que torna nossas cidades frágeis?”) e City climate leadership and the New Urban Agenda (“A liderança climática da cidade e a nova agenda urbana”) são especialmente interessantes por discutir a sustentabilidade e os temas relacionados à água e ao saneamento nas áreas urbanas.

 

* Sob supervisão de Denise Marinho dos Santos, Oficial Sênior de Comunicação.
 

 

 

Language: 
Portuguese
Date: 
Thursday, March 15, 2018 - 17:00
Slider: 
yes